Quinta-feira, 21.10.10

A ideia de que a arte tem valor em si mesma, independentemente da sua finalidade , é recente. Surge com o Romantismo, em França, e foi defendida por figuras como o poeta Baudelaire.

Para Oscar Wilde a arte não tem qualquer função. Em O Crítico como Artista, refere que o valor da arte está acima daquilo que a própria razão pode compreender. Ousa afirmar que a estética é algo mais que a ética.

É o decadentismo. Atitude que considera irrelevante apreciar obras de arte através de valores que não os da própria arte. Sem critérios exteriores.

E então que dizer de uma obra de arte que transmita valores racistas?

 

Toda a arte é imoral

Oscar Wilde



publicado por omeuinstante às 22:57 | link do post

443245.jpeg
Sem a música, a vida seria um erro. Nietzsche
links
posts recentes

Arte pela Arte

Maio 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
23
24
25
26
27

29
30
31


Visitas
conter12
tags

arte

cinema

david mourão-ferreira

educação

estética

eugénio de andrade

fernando pessoa

filosofia

fragmentos

leituras

literatura

livros

miguel torga

música

noctua

pintura

poesia

política

quotidiano

sophia de mello breyner andresen

todas as tags

arquivos
blogs SAPO